quinta-feira, setembro 06, 2007

Choque e Pavor

Quando a criança inglesa desapareceu, escrevi aqui a esse propósito. Nessa altura, em parte por formação -ou deformação - profissional, considerei que os pais não mereceriam a mais leve reprimenda, por terem deixado os filhos no quarto, enquanto jantavam. Para mim, não era o momento. Via meliantes, pedófilos, raptores... Só um cenário próximo dessa marginalidade me tranquilizava o espírito. Com o tempo fui acomodando a dor...
Tempo, parece ser o que a polícia judiciária quer ganhar para nossa defesa. Tempo, para nos habituarmos à possibilidade de um desfecho duplamente chocante.

4 comentários:

Nilson Barcelli disse...

Vamos lá ver o que sai dali.
A senhora, pouco depois das 20 horas, ainda estava a ser interrogada (mais de 6 horas...). E sem o marido, que será interrogado imediatamente a seguir.
Isto quer dizer qualquer coisa, mas não sei o quê (nem quero saber...).
Abraço.

Maria disse...

Seja o que for, nenhuma criança merecia/merece.
Deixo aqui, hoje, a voz de um homem que amou as crianças...

http://www.youtube.com/watch?v=2uYrmYXsujI

Abraço

Miguel disse...

José,

Concordo contigo ...!

Obrigada pela tua visita!

Parabéns pelo teu blog!
Espero passar por cá mais vezes ...!

Um BOM FDS!
Um Abraço da M&M & Cª!

SaltaPocinhas disse...

está tudo muito confuso, vamos ver no que dá.
para já faz um bocado de aflição todas estas suspeitas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Contador

Este blog possui atualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...