sexta-feira, abril 11, 2008

A coerência que Deus tem

Não há muito tempo, a Ministra da Educação, num tom de angariação de almas para a causa da "injustiçada sou eu", dizia:

- Se eu pudesse corrigiria as assimetrias exageradas entre início e final de carreira. Considero que os professores em início de carreira deveriam ganhar mais..."


Com, "se eu pudesse" e com "reticências" na voz, facilmente faria explodir nos tímpanos de qualquer votante incauto, algo como: "não deixam as pessoas trabalhar! Essa é que é essa!"


Pois bem, agora, passados uns meses, eis o resultado: do Ministério vem a proposta de criação de mais um escalão, para a categoria de professor titular.


Incoerência? Era o que faltava! Trata-se de atender a um desiderato de superior importância: colocar também a "canga" da avaliação nos professor do topo da Carreira.


Não deixam as pessoas trabalhar... Essa é que é essa!

1 comentário:

Saltapocinhas disse...

é uma querida, a senhora!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Contador

Este blog possui atualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...