sábado, junho 14, 2008

Bicheza

Aconteceu-me o pior. Ao pensar numa candidatura ao Conselho Geral, lembrei-me de uma cartilha da politiquice que em 79 me tinha ajudado a ganhar umas eleições para A Direcção da Associação de Estudantes. A coisa foi há muito, mas ainda tenho presente o capítulo-I:
1 -Amanhe 4/5 amigos, chamemos-lhes assim, daqueles em que você tem a certeza absoluta que têm interesses comuns;
2 - Aceite, com um sorriso, dar cara e não evite meias palavras. Contudo, deixe claro, na primeira reunião, (convém ser durante um almoço) que é capaz de os proteger até ao limite da própria vida (é faz de conta, mas não faz mal)- Não entre naquela dos amigos de Alex; não é de fumos que se trata, a coisa é "séria";
3 - Distribua os "pelouros" e a cada um dos premiados atribua funções específicas:

3.1- Um(a) para os mimos cúmplices (esfregar as costas, beijinho, piscadela de olho, aperto de mão vigoroso...), mas com pouca tendência para fazer carreira na horizontal*;
* - desconfie, se alguma vez o(a) ouvir cantar : "Está - na hora - da ca mi nha..."

3.2- Dois trauliteiros para dar no "inimigo" - nunca esquecer de inventar um inimigo. Mesmo que não haja petróleo para "apanhar", convém empolar a ideia de que há, algures, um talibã e que, por isso, os meios justificam os fins - uma coisa que garanta a possibilidade de fazer batota e poder dizer... "é pá! foi por causa do talibã";
3.3- Um ou dois bufos (há estudos que revelam surtir mais efeito quando distribui o pelouro a um homem e a uma mulher);
3.4- Todos devem fazer o pelourinho da intriga em parte-time. Designa-se pelourinho porque a intriga é a central de propaganda dos pobres.

4 - Nunca chame à atenção, em público, os companheiros de "projecto";

5 - Não se iluda, o petróleo não é tudo. Não havendo petróleo, haverá concerteza outra matéria-prima. E, como reza o ditado: quanto mais prima, mais se lhe arrima.

Até aqui eu tenho presente, mas daqui para a frente...uma pessoa começa a estudar para "professorzeco" e estas leituras profundas esfumam-se. Fui vasculhar num arquivo moribundo e: "Cá está ela"! Linda... Por título: "A Cartilha do Amigo". Eu, ao olhá-la, não me contive (salvo seja!) e comecei a trautear aquela: "Foi em Setembro que te conheci...!" Que tarde tão romântica...
Continuará brevemente. Por agora vamos fazer um intervalo patrocinado pelo "CIF-Branco? Mais branco não há!"

2 comentários:

Professorinha disse...

Bem, boa sorte para a candidatura então :)

Fica bem

Shakti disse...

Boa Sorte para essa nova etapa da tua vida...

Bjs

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Contador

Este blog possui atualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...