sexta-feira, junho 04, 2010

Que grande galo!

Ainda a propósito dos Mega-Agrupamentos, propagandeados como panaceia para a baixa qualidade da oferta educativa, convém deixar claro o seguinte:

- Em regra, os Mega-Agrupamentos não trazem benefício para os alunos, contribuem para desregular procedimentos, acentuam a conflitualidade e acerscentam tralha burocrática e bagunça;
- Uma Escola de 1.º Ciclo com mais de 250 alunos não constitui contributo para um exercício pedagógico aconselhável.
- A dimensão de uma Escola é, com frequência, inversamente proporcional à qualidade do ambiente educativo. 
- O espaço físico de uma escola deve ser um edífício bem dimensionado, com espaços dignos e bem equipados. Para além disso, deverá ter um espaço exterior condigno e devidamente embelezado. Se, para além dos muros desse espaço, se conseguirem protocolos que enriqueçam a oferta, melhor ainda.

Assim sendo, porquê a tanga dos Mega-Agrupamentos?
Basicamente por duas razões:
Primeiro porque cortar na Escola Pública faz bem à crise -segundo os entendidos- e ajuda e viabilizar o acordo,  depois porque há sempre galifões prontos para o serviço. Será bom para as galinhas? Para as do campo não será seguramente... muitos desses galos alimentam-se de milho transgénico! É "có-có-ró-có-có" e pouco mais.

2 comentários:

Aline disse...

Já soube da barraca. Apesar de não acreditar muito no sucesso pedagógico da medida, pela primeira vez, fico feliz que isto venha cá parar para estes lados!

coeh disse...

Concordo que os mega pouco trazem de positivo mas... Admito que haja gente a mais na corte dos Directores. Muitos Adjuntos muitos assessores muitos coordenadores disto e daquilo.
Quando temos turmas grande por norma creio que se poderia melhorar e tranferir o esforço na ddirecção certa com ou sem os megas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Contador

Este blog possui atualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...